Unicafes Nacional visita cooperativas da Agricultura Familiar
12 de novembro de 2021

Representando a Unicafes Nacional, Maridalva Lopes, coordenadora financeira do projeto financiado pela União Europeia, iniciou no fim de agosto, visitas de acompanhamento técnico às cooperativas beneficiadas com recursos provenientes de editais geridos pela Instituição. Foram visitadas cooperativas de Alagoas, Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará, Maranhão, Tocantins, Rondônia e Mato Grosso.

 

A coordenadora relata que na Cooperativa de Produção Agropecuária da Reforma Agrária da Regional Canudos, em Alagoas, é desenvolvido o projeto Anumará: mulheres e jovens fazendo agroecologia em Cooperação, no qual foi realizada a reforma do espaço para empacotamento da macaxeira à vácuo e da goma de tapioca e da produção de alguns derivados. O objetivo é fortalecer a cadeia da mandioca para entrega na merenda escolar através do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae).

 

Na Central de Cooperativas e Empreendimentos Solidários da Paraíba, por meio do projeto Comercializando com Solidariedade no Novo Mundo, foi criado um Centro de distribuição e comercialização para apoio da Rede Ecouni, que ainda está em fase de implantação. No Maranhão, ocorre o fortalecimento da rede de agroecologia da reforma agrária, com atividades protagonizadas por mulheres e jovens dos assentamentos Nina Rodrigues.

 

A segurança e a saúde dos catadores e redução dos riscos de acidentes de trabalho durante os processos produtivos no manejo dos resíduos sólidos recicláveis tem sido o principal intuito do projeto Catador Seguro: Fortalecimento e Crescimento, que vem sendo realizado pela Cooperativa de Catadores de Materiais Recicláveis e Desenvolvimento Sustentável do Rio Grande do Norte.

 

Já no Ceará, na Central de Cooperativas Copaju, através dos recursos do edital, foi feita a ampliação da renda dos trabalhadores de empreendimentos solidários, cooperativas e associações. Além disso, o processo de produção de polpas de frutas e aumento da renda, da Cooperativa de Produção e Comercialização dos Agricultores Familiares, Agroextrativistas e Pescadores Artesanais de Esperantina, também estão sendo implementados. Entre as melhorias também está a estruturação do espaço de apoio à comercialização da produção das cooperativas da Unicafes Rondônia e a aquisição de um veículo para a Associação dos Catadores de Materiais Recicláveis de Várzea Grande (MT) -  Asscavag.

 

Para Isaias Pereira de Barros, presidente da Asscavag, o veículo veio beneficiar a associação em um momento oportuno, já que propiciará o aumento do volume de material e consequentemente, o ganho dos catadores. “Estamos muito felizes e agradecidos. Projetos como este são importantes e fortalecem a nossa categoria”, salienta.

 

A coordenadora financeira enfatiza que ficou satisfeita com o trabalho que as cooperativas estão realizando. “Estamos contribuindo com o fortalecimento da comercialização das cooperativas filiadas à Unicafes, principalmente na inserção de grupo de mulheres e jovens nas cadeias produtivas e por menor que seja o recurso toma uma proporção enorme e impulsiona significativamente a comercialização”, frisa.

 

O presidente da Unicafes Nacional, Vanderley Ziger, ressalta que o projeto da Unicafes e da Unicopas está em sintonia com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), já que as cooperativas de agricultura familiar contribuem diretamente para os ODS, principalmente o 2, referente à “Fome Zero e Agricultura Sustentável”; ODS 1, da “Erradicação da pobreza” e ODS 8, do “Trabalho decente e crescimento econômico”.

 

Texto: Daiane Benso/Ascom Unicafes Nacional
Fotos: Arquivo pessoal

 
2021 - Todos os direitos reservados
Desenvolvido por Grupo Mar Virtual