Inovação: Cooperativa de Alagoas cria sua própria moeda social
03 de agosto de 2022

Para incentivar a circulação da moeda dentro do território local, a Cooperativa Pindorama, localizada em Coruripe, no litoral Sul de Alagoas, filiada à Unicafes Nacional, criou a “Bertholet”, uma moeda social reconhecida pelo Banco Central e que pode ser encontrada em diferentes notas nos estabelecimentos comerciais do município.

 

O presidente da Pindorama, Klécio Santos, explica que a Bertholet possui uma vantagem em relação à moeda nacional, já que cada vez que é utilizada por um morador da cidade, o mesmo ganha 4% de desconto na compra se comparado ao valor do real.

 

Conforme ele, com o desconto, a economia local é impulsionada. “O morador que comprar o leite no mercado com a Bertholet levará o dono do mercado a comprar a gasolina com essa moeda. Assim, o dinheiro circula dentro do próprio município”, salienta.

 

Além disso, Santos diz que para incentivar a circulação da moeda dentro do território local, a Cooperativa oportuniza que seus cooperados e colaboradores recebam metade do pagamento dos serviços prestados em Bertholet. “É mais um valor aquecendo a economia local, e o custo do cartão de crédito ficará dentro do Estado, fomentando a nossa economia”, avalia.

 

A Bertholet, que recebeu esse nome em homenagem a René Bertholet, fundador da Pindorama, é mais uma estratégia da cooperativa, que para Santos, contribuem na promoção de uma forma de pensar diferente junto às demais cooperativas. “Mostramos que, de fato, em Alagoas, existem coisas novas e interessantes acontecendo nas cooperativas e que trazem resultados bons para toda a sociedade”, ressalta.

 

Para saber mais sobre a Pindorama, acesse o site: https://www.cooperativapindorama.com.br/

 

Foto: Valor Mercado/Divulgação

 

 
2022 - Todos os direitos reservados
Desenvolvido por Grupo Mar Virtual